16 de set de 2007

Meus primeiros 200Kms :)

Hoje aproveitei parte da manhã do Domingo para fazer mais umas centenas de quilómetros com a minha bike.


Como se pode perceber na imagem de satélite, foram pra aí uns 200 Km, atravessando Buraca, Monsanto, Zambujal e de novo na Damaia de Cima. Algumas coisas me chamaram a atenção, algumas positivas e outras negativas. Começo por mostrar aqui duas fotos duma zebra à entrada da rotunda do Monsanto, vindo do túnel proveniente da Buraca:

Passagem de peões

Passagem de peões 2

Gostava de saber como é que um deficiente motor conseguiria subir para o passeio, são uns bons 40 cm para trepar. Mesmo alguém de muletas teria enorme dificuldade em o fazer. Este rico trabalho já está assim há anos, desde a construção do nó do Pina Manique, e ninguém quis fazer nada para o corrigir.
De seguida apanhei a ciclovia que a Câmara de Lisboa construiu paralela à Radial de Benfica e deparei com este enorme obstáculo a tapar quase toda a ciclovia, numa das curvas onde mais acidentes de carro existem no País, o Pina Manique.

Ciclovia da radial Benfica

Ciclovia da radial Benfica 2

Claro que com uma bike não há problema algum, mas o que espera quem de direito para resolver isto? E imaginem isto acontecer quando algum ciclista fosse a passar por aqui!

Fiquei surpreendido pela enorme quantidade de caminhos, largos e estreitos que existem por Monsanto, que só é possível nos apercebermos-nos deles indo a pé ou de bicicleta! Exemplos de 3, todos na zona do Pina Manique:

Caminhos no Monsanto

Monsanto

Passagens no Monsanto

Algo que me deixou mesmo surpreendido foi encontrar um lava-bicicletas, construído pela Câmara de Lisboa. Nunca pensei existir algo assim, embora a maior parte dos ciclistas que andam pelo Monsanto, e são muitos, conheçam estas infra-estruturas. E ao contrário do bebedouro que estava ao lado, o lava-bicicletas funcionava em pleno!

Lava-Bicicletas

E muita gente nas suas caminhadas dominicais e claro, muitos ciclistas a circularem por todos aqueles caminhos dentro do parque do Monsanto.
Mais fotos podem ser encontradas na minha conta do flickr, mas não esperam por muita qualidade pois foi tirada com uma máquina digital de 2 megapixels, do meu Htc.

7 comentários:

CrimsonTuxer disse...

Agora sao 3 dias sem te levantares da cama :)

RedTuxer disse...

Já mudei o selim! Agora tenho algo fofinho para assentar o cu!

Cafonso disse...

Passeios com 40cm tb os conheço bem do tempo em que estive a recuperar quando coloquei próteses. São mesmo um pincel.

RedTuxer disse...

Saiste-me cá um desmoralizador... Para já senti foi falta de companhia, mas com o tempo a coisa vai.

CrimsonTuxer disse...

Passa por la no fim de semana, para se dar um volta e ajudar a convencer a mulher que a bicla é algo a adquirir.

RedTuxer disse...

Posso tentar no sabado, domingo trabalho

Bici Activismo disse...

Massa Critica - Sexta-feira, 28 de Setembro

Aveiro
18h00
Ponte Praça

Coimbra
18h00
Largo da Portagem

Lisboa
18h00
Marquês de Pombal

Em Lisboa faremos a Massa Crítica dos Executivos, para mostrar que a bicicleta não serve apenas para lazer ou para desporto (obrigando a calção de Lycra, camisola colorida e mala xpto), mas também é um meio de transporte que pode e deve ser usado por qualquer pessoa em qualquer ocasião.

Veste o teu casaco, calças e camisa, saia ou vestido.
Calça o teu sapato de escritório, sandália ou sapato alto.
Vem pedalar.

Porto
18h00
Praça dos Leões

O que é a Massa Crítica?
A Massa Crítica (Critical Mass) é um evento que ocorre tradicionalmente na última sexta-feira do mês em muitas cidades pelo mundo, onde ciclistas, skaters, patinadores e outras pessoas com veículos movidos à propulsão humana, ocupam seu espaço nas ruas. No Brasil e em Portugal, há um movimento ciclista inspirado na Massa Crítica, chamado Bicicletada. Os principais objectivos da Bicicletada são divulgar a bicicleta como um meio de transporte, criar condições favoráveis para o uso deste veículo e tornar mais ecológicos e sustentáveis os sistemas de transporte de pessoas, principalmente no meio urbano.

Mais informações:
www.massacriticapt.net

“Anda de bicicleta todos os dias, festeja uma vez por mês”